ENDEREÇO

Rua Conde de Bernadotte, 26 - Leblon

Rio de Janeiro - RJ, 22430-200

CONTATO

Tel: (21) 2529-7700

contato@teatropetragold.com.br

SIGA-NOS

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

DUAS FERAS PERIGOSAS

31 DE JANEIRO

SEX 17H

DUAS FERAS PERIGOSAS

Bem antes de serem “as tais Frenéticas”,  Dulcilene de Moraes (Dhu Moraes) e Sandra Pêra se conheceram em 1972, nos ensaios do musical POBRE MENINA RICA. O compositor Carlos Lyra assinava a direção, o texto e as músicas, compostas em parceria com Vinícius de Moraes. A identificação entre as duas foi imediata e, desde então, a amizade entre Dhu e Sandra segue rendendo
frutos e projetos.
 
Com tantas histórias para contar e canções para cantar, surgiu a ideia de montar um espetáculo no qual Dhu e Sandra dividem histórias e passagens divertidas dos bastidores da música e do teatro, nesses mais de 40 anos de parceria. Com direção musical do guitarrista Mimi Lessa, amigo desde o início das Frenéticas. O roteiro e a direção do show são do jornalista e escritor Rodrigo Faour, que colaborou com sugestões musicais para a dupla. 
 
“Nós fizemos duas apresentações com um repertório escolhido nos ensaios na minha casa, com a Dhu e o Mimi Lessa, nosso maestro e arranjador, além de amigo. A ideia inicial era contarmos um pouco da nossa história musical. O Rodrigo Faour veio assistir e, num cantinho, fez críticas muito interessantes: graças a Deus temos bons ouvidos para críticas!”, conta Sandra Pêra sobre o espetáculo.

 

Levei então um monte de músicas diferentes e elas gostaram de quase todas, daí selecionamos as mais interessantes. Reorganizei o roteiro, puxando pelo lado mais irreverente das duas. Este show, aliás, é uma grande farra, mas não deixa de ser um soco na caretice atual, pois os ideais de liberdade e pró-diversidade sexual dos hits “Perigosa” e “Dancin’days” continuam atualíssimos.
Por isso dei o título de Duas feras perigosas”, pontua Rodrigo Faour. O repertório traz hits como Dancin Days, Perigosa, Aquarius e Vingativa, clássicos da MPB como Back in Bahia e Sabe Você, além de canções mais recentes como Eu vou fazer uma Macumba (Johnny Hooker).
 
Há muito tempo eu a Sandra tínhamos o desejo de fazer este show,  desde as Frenéticas. Eu e ela levávamos sugestões que não eram aceitas por algum motivo, e acabamos formando um repertório que gostaríamos de ter cantando.
Há uns quinze anos eu e Sandra nos reunimos e por duas vezes tentamos montar este show, com estas músicas, mas só agora foi possível, por conta das nossas agendas sempre cheias”, conta Dhu Moraes.
A banda é formada por Pedro Peres (baixo), Guto Goffi (bateria), Lourival Franco (teclados) e Mimi Lessa (guitarra e arranjos).